Loading...
­

Nosso manifesto

A SBOT (Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia) acredita que o comportamento e a consciência do piloto são fundamentais para uma pilotagem segura, por isso lança, no Dia do Ortopedista, um manifesto pela segurança do motociclista.

A melhor pilotagem é aquela em que a segurança do piloto é primordial, onde é possível unir o prazer e a liberdade de pilotar uma motocicleta com a certeza de que iremos chegar ao nosso destino, portanto ao pilotar sua motocicleta siga estas dicas da SBOT: Observe, Reaja, tenha o controle!

Baixe o folder

OBSERVE

  1. Posicione-se sempre em um lugar mais seguro para maximizar sua visibilidade e se proteger de perigos potenciais.
  2. Pilote defensivamente, fique sempre atento para situações inesperadas.
  3. Tenha um ‘olhar salva-vidas’; dê uma última olhada antes de fazer uma manobra.

REAJA

  1. Pilotos qualificados estão sempre muito atentos no que acontece ao seu redor.
  2. Tome cuidado com os outros usuários da via em que trafega e posicione-se onde você possa se antecipar a possíveis perigos.
  3. Pense sempre à frente para maior capacidade de reação.

TENHA O CONTROLE

  1. A velocidade adequada para as condições da via irão fazer com que sua viagem seja sempre uma boa experiência.
  2. Certifique-se de que você está pilotando a uma velocidade que forneça condições de frear a tempo, independente da situação das vias.
  3. Treine sempre suas habilidades de pilotagem.

PESQUISA SBOT REVELA

Em apenas 12 horas de plantão foram atendidos 5,4 acidentados por hora;

No dia do ortopedista, especialistas alertam para acidentes de trânsito

O trauma ocasionado por acidentes de trânsito é epidêmico no Brasil”, informa André Pedri - nelli, médico do Instituto de Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina da USP.

Mais de 90% dos acidente com motos ocorrem durante o dia.

Levantamento inédito da SBOT revela dados importantes sobre acidentes com motocicletas no Brasil. O estudo faz parte da campanha de prevenção a entidade no Dia do Ortopedista.

O perfil do acidentado: gênero masculino entre 20-30 anos!

Jovem e pertencente ao gênero Masculino. 53% dos acidentados utilizam a motocicleta como instrumento de trabalho, o que agrava ainda mais o problema.

Em 2013, mais de 12.000 perderam a vida em acidentes com motos

O aumento de acidentes com motos se deve ao crescimento da frota. Entre 2003 e 2013, a frota de motocicletas aumentou 247,1%, enquanto a população teve um crescimento de 11%.
“Decidimos por essa temática, por que os acidentes com moto, atualmente, representam o maior desafio para os ortopedistas frente às múltiplas fraturas provocadas”
Marco Antonio Percope • Presidente da SBOT
“O usuário de moto é a maior vítima do trânsito. É preciso que todos fiquem atentos às medidas de segurança. Sempre acender a farol da moto, mesmo durante o dia, utilizar roupas apropriadas e com sinalização. Jamais esquecer do capacete e ficar atento para que o modelo seja o mais completo com fechamento frontal e certificado pelo Inmetro”
Wagner Nogueira da Silva. • Coordenador nacional da campanha da SBOT